Desporto

História em Roma: ‘Gladiadores’ dominam dragões na batalha milionária

O FC Porto perdeu, esta terça-feira, por 1-2, na casa da AS Roma, para a primeira mão dos oitavos de final da Liga dos Campeões.

O FC Porto viajou até Roma, esta terça-feira, para disputar a primeira mão dos oitavos de final da Liga dos Campeões. Depois de estar a perder por 0-2, com um bis de Zaniolo, Adrián López conseguiu reduzir no marcador (2-1) e a decisão da eliminatória ficou adiada para a segunda mão, no Estádio do Dragão.

Sem Corona (castigo), Aboubakar e Marega (lesão), Sérgio Conceição apostou em Fernando Andrade para fazer dupla com Soares, num 4x4x2.

No entanto, os primeiros minutos não foram fáceis para os azuis e brancos, que sentiam muitas dificuldades em enfrentar a estratégia montada pelos italianos.

Muito fechados defensivamente e muito rápidos no contra-ataque, iam valendo as enormes defesas de Casillas, que evitavam o pior: primeiro agarrou um remate de rasteiro de Kolarov (7′), para depois tirar o pão da boca a El Shaarawy (12′). Antes do primeiro remate da sua equipa, por Fernando Andrade, para a defesa de Mirante (31′), ainda sacudiu um remate de Kolarov, seguido de um ‘tiro’ de Cristante (26′).

Portanto, só dava Casillas. A AS Roma ameaçava e Casillas impedia os golos, pelo menos, enquanto pôde. A defesa azul e branca tentava ajudar, mas não estava nos seus dias. Dzeko atirou à trave mesmo em cima do intervalo (45′) e Casillas voltou a ser chamado a intervir, logo no início do segundo tempo (48′ e 50′). O FC Porto não conseguia pegar na partida e corria atrás do prejuízo que terminava… em Casillas.

Aos 56 minutos, Danilo protagonizou a melhor oportunidade para os azuis e brancos, com um cabeceamento que passou ao lado das redes de Mirante. Na resposta, mais duas grandes defesas para o guarda-redes espanhol (61′ e 66′).

A vinte minutos do fim, o inevitável acabou por aconteceu. Logo depois da saída de Brahimi, com queixas físicas, para a entrada de Adrián Lopez, Zaniolo traiu Alex Telles e fez o primeiro para a Roma. E não tardava em apontar o segundo. Aos 77 minutos, o jovem de 19 anos assinou um bis.

Dois minutos depois, o recém entrado Adrián López ainda conseguiu reduzir no marcador, com um grande remate. Um golo que ‘afundou’ a formação da casa, em termos táticos, mas o FC Porto não conseguiu tirar proveito disso. Herrera ainda tirou tinta do poste aos 83 minutos, mas ficou por aí.

Com este resultado, o FC Porto saiu derrotado da terra dos gladiadores, mas o resultado empurra a decisão da eliminatória ficou adiada para a segunda mão dos oitavos de final da competição.

_______________________________________________________________________________________

[Notícia em atualização]

90+5′- Fim de jogo.

90′- 5 minutos de compensação.

86′- Cartão amarelo para El Shaarawy.

84′- Substituição no FC Porto: Sai Otávio para a entrada de Hernâni.

83′- HERRERA! Remate que tira tinta do poste!

79′- GOLOOOOOO! FC PORTO! ADRIÁN LOPEZ! Depois de um passe longo de Felipe e Adrián Lopez rematou para o 2-1.

77′- GOLOOOO! ROMA! ZANIOLO! Dzeko na assistência para o bis de Zaniolo.

76′- Substituição no FC Porto: Sai Fernando Andrade para a entrada de André Pereira.

74′- Cartão amarelo para Herrera.

72′- Fernando Andrade! Remate para a defesa de Mirante.

70′- GOLOOOOOO! ROMA! ZANIOLO! O esférico passa por baixo do pé de Alex Telles, sem hipótese para Iker Casillas.

67′- Substituição no FC Porto por lesão: Sai Brahimi, entra Adrián Lopez.

66′- CASILLAS ENORME! Remate de Pellegrini para uma enorme – MAIS UMA – defesa de Casillas!

64′- Brahimi no relvado a queixar-se do pé esquerdo.

61′- Casillas! Remate de Pellegrini para as mãos de Casillas.

56′- QUE DESPERDíCIO! DANILO! O médio perdeu uma excelente oportunidade, com um cabeceamento a sair ao lado da baliza de Mirante, depois de um canto de Alex Telles. Foi a melhor oportunidade para o FC Porto.

50′- Casillas! Mais uma defesa excelente, depois de um excelente remate de Cristante.

48′- Casillas! Que perigo! Contra-ataque da Roma e Casillas, atrapalhado, conseguiu livrar o esférico.

46′- Recomeça em Roma.

45+1′- Tempo de intervalo.

44′- 1 minuto de compensação.

37′- DZEKO! À TRAVE!

35′- Livre para a Roma cobrado por Pellegrini. O esférico acabou por sair.

31′- MIRANTE! Fernando Andrade remata para a defesa do guarda-redes da Roma. Boa oportunidade para o FC Porto marcar.

26′- CASILLAS! Mais uma vez Casillas a impedir o golo da Roma, sacudindo um remate de Kolarov. Na recarga, amarrou o ‘tiro’ de Cristante.

23′- Livre para o FC Porto, mas o esférico saiu pela linha de fundo.

17′- Otávio! Jogada bem construída, com o esférico a sobrar para Otávio, posicionado no meio da defesa adversária, que acabou por dominar em vez de rematar…

15′- Danilo recupera no meio campo, deixa para Brahimi, do lado esquerdo, que lance Alex Telles, mas a defesa da Roma corta tranquilamente.

12′- CASILLAS! El Shaarawy isolou-se, do lado esquerdo do terreno, em velocidade, com Casillas preparado para evitar o pior. Brahimi também apareceu para ajudar.

9′- Quando o FC Porto contra-ataca, a Roma recua até ao seu meio-campo defensivo, não deixando espaço para o adversário criar perigo.

7′- Casillas! O guarda-redes azul e branco agarra o cruzamento rasteiro de Kolarov.

3′- Uiiii! Erro de Felipe podia ter dado o primeiro para a Roma. Felipe perde a bola para Pellegrini, que deixou para El Shaarawy, em zona perigosa. Mas Pepe conseguiu impedir a jogada.

2′- Fernando Andrade luta com Manolas pelo canto, mas é pontapé de baliza para a Roma.

1′- Arranca o duelo em Roma.

0′- 1 minuto de silêncio em homenagem a Sala.

0′- Ouve-se o hino da Liga dos Campeões.

Onze do FC Porto: Casillas; Militão, Felipe, Pepe e Alex Telles; Danilo, Otávio e Herrera; Fernando Andrade, Soares e Brahimi.

Onze da AS Roma: Mirante; Florenzi, Manolas, Fazio e Kolarov; Cristante, De Rossi, Pellegrini; Zaniolo, Dzeko e El Shaarawy.

Antevisão: O FC Porto visita, esta terça-feira, a AS Roma no Olímpico, em jogo referente à primeira mão dos oitavos de final da Liga dos Campeões, pelas 20h.

Sem Corona – castigado – Aboubakar e Marega – lesionados -, a equipa de Sérgio Conceição vai a Roma para conseguir o melhor resultado possível, de forma a levar a decisão da eliminatória até ao Estádio do Dragão.

Pela frente, está a Roma que, apesar de só ter vencido uma vez nos últimos quatro jogos, tem o terceiro melhor ataque da liga italiana e, por isso mesmo, promete causar dificuldades aos azuis e brancos.

Deixe uma resposta