Mundo

Polícia descarta motivações terroristas no incidente em Berlim

Polícia alemã baleou um homem na perna devido ao comportamento violento do suspeito. Motivações terroristas ou políticas estão descartadas.

A polícia alemã garante que o incidente deste domingo na Catedral de Berlim, em que um homem foi baleado por um oficial da polícia, não está relacionado com terrorismo ou quaisquer outras motivações políticas ou religiosas.

Num comunicado publicado na rede social Twitter, a polícia de Berlim desvendou mais pormenores relativamente ao incidente desta tarde.

As autoridades foram chamadas à Catedral de Berlim, um dos principais pontos turísticos da cidade, localizado no centro da capital alemã, devido a relatos de um homem estar a agir de forma violenta.

Quando chegaram ao local, as autoridades encontraram o suspeito, de 53 anos, na posse de uma faca e a agir de forma violenta. Para imobilizar o suspeito, um polícia disparou contra a perna do homem.

Para além do suspeito, há registo de um polícia ferido, em circunstâncias que não foram totalmente esclarecidas.

Tanto o polícia ferido como o homem de 53 foram levados para um hospital, onde estão a receber tratamento.

[NAM]

Deixe uma resposta