Desporto

Passagem do FC Porto por Belém ‘ressuscitou’… o líder Benfica

Dragões perdem com o Belenenses, por 2-0, e entregam a liderança isolada aos encarnados a seis jornadas do fim do campeonato.

O Benfica é o novo líder isolado do campeonato. Depois da vitória encarnada (2-0) na receção ao V. Guimarães, o FC Porto perdeu esta segunda-feira, por 2-0, no Restelo, frente ao Belenenses, e entregou a liderança aos rivais. Nathan e Maurides apontaram os golos da formação orientada por Silas, que assim motivaram a segunda derrota dos dragões no campeonato.

Com Marcano castigado, Sérgio Conceição promoveu a estreia absoluta de Yordon Osório. O venezuelano cedido pelo Tondela formou dupla no eixo defensivo com o Felipe, remetendo Reyes para o banco de suplentes. À partida, o mexicano seria o principal candidato ao lugar, mas a lesão contraída ao serviço da sua seleção levou o técnico portista a não arriscar. Após o período de ausência devido a problemas físicos, Alex Telles também voltou à titularidade, num jogo em que Ricardo Pereira foi o escolhido para suprimir as ausências de Corona e Marega, ambos lesionados, mas seria mesmo Osorio um dos primeiros protagonistas… pelos piores motivos. Mas já lá vamos…

Depois da derrota (2-1) na última jornada frente ao Moreirense, o Belenenses também se apresentou com algumas alterações, a começar pela baliza, onde André Moreira ocupou o lugar que em Moreira de Cónegos tinha sido de Filipe Mendes. De regresso esteve também Diogo Viana, que no já tradicional sistema de 3x5x2 de Silas ficou encarregue de preencher todo o corredor direito. Bakic, Nathan e Persson completaram o leque de novidades nos azuis do Restelo, que antes do encerramento desta 28.ª ronda ocupavam o 12.º lugar da tabela.

Após um primeiro cabeceamento perigoso de Felipe por cima da trave da baliza de André Moreira, os adeptos da casa ‘explodiram’ de alegria, graças a uma surpresa causada por Nathan. Logo aos 10′ minutos, o estreante Osorio desentendeu-se com o companheiro do eixo defensivo, Felipe, a bola sobrou para o brasileiro que, na cara de Casillas, espalhou classe e picou a bola por cima do corpo do guardião espanhol, colocando o Belenenses na frente do marcador. Um golo de belo efeito de Nathan, que também já tinha marcado no empate (1-1) na receção ao Benfica.

Com uma entrada feliz na partida, o conjunto orientado por Silas mostrou-se mais confortável, dando, naturalmente, a iniciativa de jogo aos dragões, tentando depois voltar a fazer ‘mossa’ através da mesma estratégia: o contra-ataque. Contudo, foi o FC Porto que ‘carregou’ em busca do empate. Brahimi (12′), Aboubakar (19′) e Soares (31′) protagonizaram as primeiras grandes ocasiões de golo dos azuis e brancos – laranjas esta noite -, mas seria Alex Telles, já dentro dos últimos 5′ minutos, a desferir aquele que esteve perto de ser realmente o remate triunfal da primeira parte. Até ao intervalo, Aboubakar ainda tentou alvejar por duas vezes a baliza de André Moreira, mas em ambas as ocasiões a bola saiu ao lado, enquanto do outro lado Bakic, num livre direto, obrigou Casillas a afastar o perigo a ‘soco’.

Na segunda parte, e como seria de esperar, o FC Porto entrou pressionante e voltou a ameaçar o empate num belo pontapé de bicicleta de Soares que, no entanto, saiu fraco e para as mãos de André Moreira. Sérgio Conceição decidiu então lançar Gonçalo Paciência e Paulinho para os lugares de Aboubakar e Maxi Pereira – Ricardo Pereira baixou para lateral-direito – e os dragões beneficiaram, em dois minutos, das melhores oportunidades patra chegar ao empate.

Primeiro, Felipe obrigou André Moreira a brilhar e logo a seguir, na sequência do canto, o guarda-redes do Belenenses voltou a intervir em grande nível, segurando a vantagem do conjunto de Belém.Se há defesas que valem pontos, também há golos que surgem nos melhores momentos. Precisamente após este momento fantástico de André Moreira, o Belenenses chegou ao segundo. Fredy cobrou o livre no lado esquerdo do ataque e o recém entrado Maurides, mais alto que todos os opositores portistas, cabeceou para o fundo da baliza defendida por Iker Casillas. Nova ‘explosão’ de alegria dos azuis do Restelo a contrastar com a desilusão portistas.

Até ao final, o FC Porto ainda tentou reduzir distâncias, mas ‘esbarrou’ sempre numa espécie de ‘muralha’ chamada… André Moreira. O FC Porto soma assim a segunda derrota na Liga Portuguesa – já tinha perdido com o P. Ferreira -, ocupa agora o 2.º lugar e está a um ponto do Benfica a duas jornadas da visita à Luz. Já o Belenenses sobe ao 11.º lugar, com 32 pontos, menos um do que o V. Guimarães.

Confira o direto do encontro:

FINAL DA PARTIDA!

90:00 – Canto para o FC Porto.

88:00 – Cabeceamento de Gonçalo Paciência para as mãos de André Moreira.

83:00 – Substituição no Belenenses. Sai Fredy e entra André Geraldes.

79:00 – Novamente André Moreira! Que exibição fantástica do guarda-redes do Belenenses. Nova grande intervenção a evitar o golo do FC Porto.

78:00 – Canto para o FC Porto. Pressionam ainda mais os dragões.

74:00 – André Moreira vê o cartão amarelo.

72:00 – Substituição no Belenenses. Sai Bakic e entra Nuno Tomás.

72:00 – Substituição no FC Porto. Sai Osorio e entra Danilo Pereira.

72:00 – Brahimi, com tudo para fazer o golo, atira ao lado.

70:00 – GOLO DO BELENENSES! Maurides faz o segundo no Restelo! Livre de Fredy e o brasileiro, entre os centrais do FC Porto, a subir mais alto e a cabecear para o 2-0.

66:00 – Substituição no Belenenses. Sai Nathan e entra Maurides.

63:00 – Novamente André Moreira! Momento brilhante do guarda-redes do Belenenses a segurar a vantagem, defendendo um cabeceamento de Gonçalo Paciência.

62:00 – Grande defesa de André Moreira! Cabeceamento de Felipe e o guardião dos azuis a responder de forma espetacular.

61:00 – Canto para o FC Porto.

55:00 – Dupla substituição no FC Porto. Aboubakar e Maxi Pereira dão os lugares a Gonçalo Paciência e Paulinho.

54:00 – Contra-ataque rápido do FC Porto a terminar com um pontapé de bicicleta de Soares, mas a bola sai para as mãos de André Moreira.

51:00 – Novo canto para o FC Porto.

47:00 – Que perigo! Soares tenta o cruzamento, mas a bola quase vai na direção da baliza de André Moreira.

45:00 – Canto para o FC Porto

COMEÇOU A SEGUNDA PARTE

INTERVALO

45:00 – Bakic atira forte e Casillas defende a ‘soco’ para a frente.

44:00- Felipe vê o cartão amarelo por falta sobre Fredy. Livre perigoso para o Belenenses.

43:00 – André Moreira ‘soca’ a bola num primeiro instante e depois é Aboubakar, apertado pela defesa azul, a cabecear ao lado. É o ‘forcing’ final dos dragões neste primeiro tempo em busca do empate.

43:00 – Canto para o FC Porto.

42:00 – Nova tentativa portista, desta vez por Aboubakar, mas o potente remate sai ao lado.

41:00 – Quase o golo do FC Porto! Jogada de insistência do ataque azul e branco, a bola sobrou para Alex Telles que, de primeira, desferiu um míssil que rasou a trave.

35:00 – Tenta o Belenenses suster a pressão, com Silas a pedir à equipa para fazer circular a bola.

31:00 – Mais uma grande oportunidade para o FC Porto. Soares, à meia volta, atira por cima.

28:00 – Contra-ataque do Belenenses conduzido por Fredy, o cruzamento saiu à procura de Nathan, mas o brasileiro chegou atrasado.

24:00 – Ricardo Pereira perto do golo! Grande passe de Herrera, mas o internacional português chegou um tudo nada atrasado e a bola saiu pela linha de fundo.

23:00 – Fredy está no chão e o árbitro Hugo Miguel interrompe a partida.

19:00 – Novamente o FC Porto a ameaçar o golo! Desta vez foi Aboubakar, após um belo trabalho, a atirar para as mãos de André Moreira.

17:00 – Livre cobrado por Alex Telles e Ricardo Pereira a cabecear por cima.

16:00 – Cabeceamento de Soares, mas a bola, uma vez mais, a sair por cima.

12:00 – Que perigo! Grande remate de Brahimi a poucos centímetros do poste direito da baliza de André Moreira.

10:00 – GOLO DO BELENENSES! Nathan coloca os azuis do Restelo na frente. Após um desentendimento entre Felipe e Osorio, a bola sobrou para o jogador do Belenenses, que picou a bola sobre Casillas.

09:00 – Fora-de-jogo tirado a Soares.

06:00 – Responde o Belenenses! Cruzamento de Diogo Viana e Licá, sozinho, no coração da área, a cabecear fraco e ao lado.

02:00 – Primeira oportunidade de golo e é para o FC Porto. Livre lateral de Alex Telles e Felipe, mais alto do que todos os jogadores do Belenenses, cabeceou para as mãos de André Moreira.

INÍCIO DA PARTIDA!

O FC Porto visita esta segunda-feira o Estádio do Restelo com o objetivo de recuperar a liderança, ocupada à condição pelo Benfica. Perante o castigo de Marcano, Sérgio Conceição promove a estreia absoluta de Osorio, central que no mercado de inverno chegou ao Dragão por empréstimo do Tondela. Diego Reyes seria, à partida, o principal candidato ao lugar, mas a lesão contraída ao serviço da seleção do México limitou o defesa que, mesmo assim, estará no banco de suplentes. Ausentes da partida estão Corona e Marega, que recuperam das respetivas lesões.

Já do lado do Belenenses, André Sousa é a grande baixa devido a castigo. Em relação ao jogo com o Moreirense, na última jornada, Silas lança Diogo Viana, Persson, Nathan e Bakic no onze, para os lugares de André Geraldes, Nuno Tomás, Tiago Caeiro e, claro, André Sousa. Nota ainda para o regresso de André Moreira à baliza, depois de Filipe Mendes ter sido titular em Moreira de Cónegos.

O duelo entre Belenenses e FC Porto tem início às 20h00 horas e pode acompanhar todas as incidências, ao detalhe, em Desporto ao Minuto.

Onze do Belenenses: André Moreira; Diogo Viana, Sasso, Gonçalo Silva, Persson e Florent; Yebda, Nathan e Bakic; Fredy e Licá.

Onze do FC Porto: Casillas; Maxi Pereira, Felipe, Osorio, Alex Telles; Herrera, Sérgio Oliveira, Ricardo Pereira e Brahimi; Soares e Aboubakar.

Deixe uma resposta