Mundo Tech

Hackers invadem base de dados de dois ministérios alemães

Um grupo de piratas informáticos (‘hackers’) russos invadiu a base de dados de dois Ministérios alemães, avançou hoje a agência noticiosa alemã DPA, que cita fontes próximas dos serviços secretos.

De acordo com fontes não identificadas, o grupo ‘ATP28’, também conhecido como “Fancy Bears” ou “Tsar Team”, invadiu os sistemas dos Ministérios da Defesa e dos Negócios Estrangeiros durante mais de um ano, tendo obtido várias informações, adianta a agência, sem as especificar.

Os serviços de inteligência detetaram a invasão durante o mês de dezembro.

Se confirmado, este poderá ser o maior ataque informático na Alemanha, assinala a agência DPA.

À agência AFP, um porta-voz do Ministério do Interior disse que as autoridades investigavam “um incidente que afetou segurança do sistema de informação, relativos (…) às redes do Estado” sem avançar com detalhes

Berlim temia que ciberataques pudessem afetar as eleições parlamentares em setembro do ano passado.

Os serviços de inteligência alemães têm acusado regularmente os serviços secretos russos de conduzirem uma campanha de ciberataques internacionais com fins de espionagem e sabotagem.

Várias campanhas eleitorais têm sido afetadas por ciberataques atribuídos ao grupo “Fancy Bears”.

Entre as campanhas afetadas pelos ‘hackers’, estão a de Hillary Clinton, candidata Democrata nas eleições presidenciais norte-americanas de 2016 e a do agora Presidente francês, Emmanuel Macron, antes da segunda-ronda das presidenciais francesas em 2017.

[Lusa]

Deixe uma resposta