Desporto

BENFICA – NÃO PERCA OS ÚLTIMOS GOLOS

Tal como aconteceu em Belém, Jonas voltou a falhar penálti…

O jogador brasileiro teve oportunidade de marcar aos 15 minutos.

Aos 15 minutos, o Benfica beneficiou de uma grande penalidade sobre Cervi. Jonas foi chamado para converter o penálti, mas não foi bem sucedido.

À semelhança do que aconteceu diante do Belenenses, o brasileiro atirou o esférico para as mãos do guarda-redes adversário.


Entendimento entre centrais deu origem ao primeiro golo na Luz

Rúben Dias marcou aos 18 minutos da partida.

O Benfica colocou-se em vantagem frente ao Boavista aos 18 minutos. Depois de Jonas falhar um penálti, aos 15’, Rúben Dias, depois de uma jogada de ‘laboratório’, fez o golo e deu motivos aos adeptos encarnados p


‘Cabeçada’ triunfal de Jardel carimba o 2-0 em cima do intervalo

Jardel assinou o 2-0, aos 44 minutos.

Na sequência de um canto cobrado por Franco Cervi, Jardel aproveitou para cabecear para golo.

Aos 44 minutos, o central registou um cabeceamento triunfal para o 2-0, diante do Boavista.


Nuno Henrique ‘roubou’ o golo a Jonas e deixou o Benfica a vencer por 3-0

Auto-golo foi marcado aos 77 minutos.

Festejou-se o terceiro golo do Benfica no estádio da Luz. Aos 77 minutos, uma ‘carambola’ entre Nuno Henrique e Talocha resultou no 3-0 para o Benfica.

Os defesas axadrezados não queriam deixar Jonas chegar à bola, mas acabaram por fazer pior… Ora veja!


Jiménez só teve de encostar para consumar a goleada benfiquista

André Almeida fez a assistência para o golo do mexicano.

Benfica venceu este sábado o Boavista, por 4-0, em jogo da 23.ª jornada da I Liga. Raúl Jiménez fez o quarto e último golo das águias.

Deixe uma resposta