Mundo

Morreu um dos feridos da explosão em Estocolmo

Homem não resistiu aos ferimentos. A outra vítima continua hospitalizada.

O homem de 60 anos que, na manhã deste domingo, ficou gravemente ferido depois de um objeto ter explodido nas suas mãos, junto à estação de metro sueca de Vårby Gård, nos subúrbios de Estocolmo, acabou por morrer.

A informação é avançada pelo jornal local Expressen que revela ainda que o objeto que explodiu era uma granada.

A segunda vítima da explosão, uma mulher de 45 anos, continua hospitalizada, apresentando ferimentos na cara.

O incidente ocorreu cerca das 11h00 locais, mais uma hora do que em Portugal, e deixou duas pessoas feridas.

A polícia está a investigar o sucedido, não tendo avançado ainda com nenhuma hipótese sobre a razão pela qual uma granada se encontrava no meio da rua junto à estação de metro sueca.

[Patrícia Martins Carvalho]

Deixe uma resposta